domingo, 9 de setembro de 2012

Kristen Stewart está de volta ao tapete vermelho com “On The Road”, no Toronto Internacional Film Festival


Resolvi, pela primeira vez, traduzir um texto, no caso uma entrevista de Kristen Stewart durante o Festival de Filmes em Toronto, dá para entender perfeitamente, melhor que em muitos sites que eu andei vendo durante o dia de hoje, há algumas anotações durante o texto, poucas anotações, somente para o entendimento de todo mundo!

Espero que vocês gostem!


 Traduzido por: Letícia Kartalian
TORONTO - Tem sido difícil para Kristen Stewart estar de volta em público após revelações de um caso que levou ao seu rompimento com a co-estrela de "Crepúsculo", Robert Pattinson.

No entanto, não há nenhum lugar em que preferia estar do que no Festival de Cinema Internacional de Toronto ao lado de seus colegas para a adaptação do romance de Jack Kerouac, em 1950, Geração Beat, "On the Road".

Stewart disse que nunca pensou em pular o festival, onde o filme jogado à frente de seu lançamento nos cinemas dos EUA em dezembro.

Ela disse que era importante estar lá com o diretor Walter Salles e com as co-estrelas, que incluem Kirsten Dunst e Garrett Hedlund, que, como Stewart havia trabalhado por anos para fazer o filme.

"Estamos esperando por essa coisa ser desencadeada por tanto tempo. Era uma espécie de uma daquelas situações em que você só tem que se colocar no seu corpo e ir apreciar o momento", disse Stewart, em entrevista neste sábado.

Recordando a estreia do filme em Cannes, em Maio no Cannes Film Festival, Stewart disse: "Eu teria ficado feliz de pé no Festival de Cannes com o teatro inteiro vaiando-o enquanto eu estava na mesma fileira* com o meu elenco e com Walter. Nós teríamos ficado bem. Eu me sinto tão forte com essas pessoas, e é muito apropriado. Eu pertencia àquele lugar."

*Pode ser fila ou fileira, achei melhor traduzir como fileira, que é como os atores e os diretores ficam quando estão apresentando um filme.

Desde Cannes, a vida pessoal de Stewart ter desvendado como ela mesma admitiu que traiu Pattinson com seu diretor de "Branca de Neve e o Caçador",  Rupert Sanders.

A estreia em Toronto de "On the Road" na quinta-feira, foi a primeira aparição pública desde o acontecido com Stewart, e ela foi recebida por centenas de fãs de "Crepúsculo" que vieram para mostrar apoio para a atriz de 22 anos de idade.

"Você espera um monte de gente na estreia de" Crepúsculo ", mas mostrar-se em uma triagem de 'On the Road' no Toronto Film Festival e vendo que a quantidade de pessoas é absolutamente (grande), é surpreendentemente incrível", disse Stewart. "Foi muito legal."

"On the Road" tem estado na lista de afazeres em Hollywood durante décadas, mas as tentativas anteriores para adaptá-la para o cinema sempre deu errado.

Salles ("Central do Brasil",'' Diários de Motocicleta ") passou anos desenvolvendo o filme, estrelado por Hedlund como geração beat livre de espírito Dean Moriarty, inspirado por um amigo de Kerouac, Neal Cassady, e Sam Riley como o alter ego do autor Sal Paradise .

Stewart, co-estrela, como a primeira mulher de Dean, Marylou, que se junta a ele e Sal em alguns de seus enlouquecidos “cross-country*” aventuras.

*algo como trilha, ou estrada, no caso do filme.

O romance* foi uma experiência de conscientização para Stewart, que leu o livro pela primeira vez quando era uma caloura do ensino médio.

*No original, a novela, lembrando que os romances são chamados de novelas nos EUA.

"Marylou e Dean são o tipo de pessoas que eu estava me inspirando. Inicialmente, aos 15 (anos)lendo o livro, disse, Deus, estes são o tipo de pessoas que eu tenho de encontrar. Os loucos ", disse Stewart. "E eu não sou um deles, mas talvez eu poderia ser...

"A grande coisa sobre 'On the Road' é que ele realmente pode se abrir sua concha, e eu definitivamente percebi coisas sobre mim que eu não sabia antes*. Que eu posso deixar meu rosto sair e não ser demasiado consciente disso, e parar de me questionar e não ter medo de estranhos, e deixar de ser crítica. "

* que eu ainda não tinha percebido.

Lidar com os fotógrafos e equipes de TV na estreia de quinta-feira no tapete vermelho foi um desafio.

"Eu estava um pouco nervosa, obviamente. Estou sempre nervosa antes de um tapete vermelho", disse Stewart. "Para ser honesta, eu ficava apenas dizendo a mim mesma, apenas não desmaie. Esteja lá, não apenas figurativamente, colocando a cabeça para baixo e ir embora. Esteja lá, agradeça. Felizmente, muito, muito mesmo, eu era capaz de fazer isso. "

Em novembro, Stewart enfrentará algumas aparições públicas embaraçosas  quando ela e Pattinson estarão promovendo "A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 2", o final de seu romance de vampiros.

Stewart está confiante de que vai passar por tudo isso bem.

"Nós vamos ficar bem", disse Stewart. "Estamos totalmente bem."


Traduzido por: Letícia Kartalian
___

Online:

http://tiff.net/thefestival

Copyright 2012 Associated Press. Todos os direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído.